Vídeos da Casa do Crescer

Loading...

quarta-feira, 31 de março de 2010

Importância do brincar para o desenvolvimento infantil

A brincadeira é uma atividade presente na vida de crianças em diversas culturas, possuindo papel importante no desenvolvimento das mesmas. Apesar disso, tal importância nem sempre é reconhecida pelos adultos, os quais priorizam na educação das crianças aspectos cognitivos formais e apresentam uma dificuldade em visualizar a relação existente entre brincadeira e desenvolvimento.
O Brincar é uma das atividades fundamentais para o desenvolvimento da identidade e da autonomia. O fato de a criança, desde muito cedo, poder se comunicar por meio de gestos, sons e mais tarde representar determinado papel na brincadeira faz com que ela desenvolva sua imaginação.
Nas brincadeiras as crianças podem desenvolver algumas capacidades importantes, tais como a atenção, a imitação, a memória, a imaginação.
Amadurecem também algumas capacidades de socialização, por meio da interação e da
utilização e experimentação de regras e papéis sociais.
Funciona como um cenário no qual as crianças tornam-se capazes não só de imitar a vida como também de transformá-la. Os heróis, por exemplo, lutam contra seus inimigos, mas também podem ter filhos, cozinhar e ir ao circo. Quando utilizam a linguagem do faz-de-conta, as crianças enriquecem sua identidade, porque podem experimentar outras formas de ser e pensar, ampliando suas concepções sobre as coisas e pessoas ao desempenhar vários papéis sociais ou personagens. Na brincadeira, vivenciam concretamente a elaboração e negociação de regras de convivência, assim como a elaboração de um sistema de representação dos diversos sentimentos, das emoções e das construções humanas.
Por meio da repetição de determinadas ações imaginadas que se baseiam nas polaridades presença/ausência, bom/mau, prazer/desprazer, passividade/atividade, dentro/fora, grande/pequeno, feio/bonito etc., as crianças também podem internalizar e elaborar suas emoções e sentimentos, desenvolvendo um sentido próprio de moral e de justiça.
Fonte:
Rev. Bras Crescimento Desenvolv Hum. 2007;17(2):133-143
Referencial Curricular Nacional para Educação Infantil

quarta-feira, 10 de março de 2010

ENCONTRO MAMÃE & BEBÊ



ENCONTRO MAMÃE & BEBÊ
Os encontros são destinados às mães com bebês a partir dos 05 meses e tem o objetivo proporcionar um momento de interação, despertando o prazer pelo brincar.
Uma oportunidade para que o bebê esteja junto com a mãe e com outros bebês brincando, explorando as habilidades motoras (equilíbrio, tônus e coordenação), os sentidos e experimentando novos materiais, texturas e desafios.
Uma ótima oportunidade para fortaler os vínculos afetivos entre mãe e bebê.
As atividades são baseadas na Educação Psicomotora que contribui para a formação da autonomia do bebê, ampliando suas possibilidades de ação e expressão.

Assim, é possível compreender como o bebê interage e se comunica com o mundo.

Um momento de diversão e descoberta.
Venham brincar, deitar e rolar com seu bebê!!
Os encontros acontecem aos sábados de 10:30 às 11:30 e as vagas são limitadas.

Entrem em contato!!


Inscrições pelo email clarissa@casadocrescer.com.br 
ou 
pelo tel.: 11-7889-8996

domingo, 7 de março de 2010

A importância do movimento para os bebês

 A criança em seus primeiros anos precisa muito movimentar-se. É por meio do movimento que ela explora seu corpo, que interage com outras crianças e com o ambiente que a cerca.
Se o bebê ficar o tempo todo no berço e/ou cercadinho, não terá a chance de explorar e experimentar deixando de desenvolver aspectos importantes.
Quando deixamos o bebê deitado no berço, ele fica olhando sempre o teto, quando recostamos em almofadas e travesseiros, ele poderá ver outras coisas e terá mais possibilidades de interação com outras pessoas (crianças e adultos). Sorrirá, ouvirá pessoas falando com ele, enfim, verá o mundo sob outra perspectiva. E isso é importante para enriquecer suas experiências.
Se colocarmos o bebê no chão eles poderão realizar movimentos mais amplos, provocando deslocamentos de seu corpo. Importante esse espaço para o bebê engatinhar, ir ao encontro do que deseja, explorando o ambiente e experimentando novas sensações.
Assim, eles aprendem a se reconhecer como um organismo independente dos outros.
Então, fica a dica: 

Fiquem atentos na forma em que estão interagindo com seus bebês!!